Na inseparável juventude, os amigos eram para sempre.
                 
    O bilhete era só de ida e até os encontros de final de ano, como esse da foto, foram ficando escassos. 

                          Anos 80. Festiva na associação do Ademar Cantu, subida para o aeroporto em Pato Branco: 
                             Em pé, Alaor Gaspar, Tiquinho Zuconelli, Flávio "Foguinho" Carraro, Polaco Cantu, Vitor Rippel e João Alemão

                          Abaixados, Cláudio "Careca" Pastro, Luiz Corona, Almir "Popó" Ársego, Nonoel "Dedéco" Andrade, Guego Favetti, Ney Chemin e Altevir Cantu

Um comentário:

Júlia disse...

Oi, me chamo Júlia Pinheiro, sou sobrinha e afilhada da profª Selma (viúva do Alaor Gaspar)e a algum tempo não tenho noticias dela. Moro na Bahia com a minha família, gostaria de saber se vcs tem alguma noticia dela. Desde já muito obrigada.

Postar um comentário