Iradi Sutilli, conhecida figura (anos 60 e 70), também pela sua Sapataria Central na Avenida Tupi (sub solo).
                        Teve também importante envolvimento na diretoria do Palmeiras (local), até a fusão em 1979.  

                              Em 20 de junho, por ocasião das 300 mil visitas deste blog Patonauta, Iradi foi um dos homenageados com a Escultura/Tributo Geração 60/70.

                              Na foto acima, em jantar do Clube Juventos do bairro Bortot,  Iradi recebe de seu primo Rui Bodanese a escultura/tributo.



Tendo vindo de Chapecó (SC) com sua esposa Neusa, atrasou-se e foi representado pelo seu sobrinho Heber Suttili, na entrega oficial, no Bar do Bet.

Rui (esquerda) entregou para Heber.

Nenhum comentário:

Postar um comentário