Raiou, resplandeceu, iluminou
Na barra do dia o canto do galo ecoou
A flor se abriu
A gota de orvalho brilhou
Quando a manhã surgiu
Dos dedos de nosso senhor


Letra de Menino Deus, imortalizada pela imortal Clara Nunes em foto (Pato Branco) de Jozieli Wolff.

Nenhum comentário:

Postar um comentário