Trajano Augusto Santos Peixoto (esquerda da imagem), Juiz de Direito aposentado com saudosa passagem por Pato Branco.

                                      Além de atuação admirada junto ao judiciário, doutor Trajano, teve militância decisiva no movimento Espírita local.

                                      Dotado de grande erudição, agregava bons ouvintes em suas palestras no Centro Espírita Luz e Caridade.

                                       (Sua partida da cidade deixou grande lacuna, que foi sendo preenchida gradativamente, em especial pelo médico e homeopata Alan Archetti)

                                     Gilson Marcondes,  militante cultural na cidade, lembra que  doutor Trajano prestigiava as promoções, com compra de ingresso antecipada, chegando  sempre 30 minutos antes do início das mesmas.

                                       Imagem deste domingo, 16/11/2014 em Curitiba: doutor Trajano e Rudi Bodanese.
                                               
                                               Foto: Marcelo Espírito Santo Rocha (Hotel Mercure)

Nenhum comentário:

Postar um comentário