O Rio de Janeiro, cidade mais bela do planeta comemora em 20/01 o Dia de São Sebastião, padroeiro do município.

                            Mergulhado num crescente poço de problemas o Rio vai se turvando desde a época da colônia e do império, quando privilegiados na beira da praia foram empurrando excluídos para as margens.

                             Hoje, com uma brutal disparidade entre ricos e pobres, sem oportunidade de educação, trabalho, riqueza e acesso ao consumo/prazer a raiva veio se transformando em vício e crime, difíceis de ser revertido.

                             E todos contra o Meio Ambiente...
                          
                             Fala o sábio Chico Buarque:
                            "Rio civilização encruzilhada, cada ribanceira é uma nação..."
                                         
                                                                                       grupo@rudibodanese.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário