Fundado em 1936 ou 37, por Pedro Ramires de Mello e Aracy Cavalheiro (sua esposa), com apenas dois quartos o Hotel Brasil fez parte da trajetória histórica da cidade.
                                  Quando foi fundado, havia cerca de 10 moradores no povoado.
                     
                                  Depois, na década de 50, adquirido por Édimo e Genoéfa Pastro, foi sendo ampliado e cada vez mais recebendo os viajantes do progresso, comerciantes, políticos, jogadores de futebol, mascates, aventureiros e novos moradores.

                                 Constituiu-se num marco de pioneirismo e tradição, caracterizado especialmente pela hospitalidade e atenção da família Pastro, que o dirigiu por duas décadas e meia.

                                 Este hotel, deixou de existir em 1974.

                                  Jurandir Ceni complementa (de Pato Branco via telefone):

                                  Antes de Édimo adquirir o hotel em meados da década de 50, foi proprietário João Vais, que possuía numerosa família...
                          
                                  Foto de 1956 ou 57.
                                 A figura inconfundível de seu Édimo Pastro, está em pé todo de branco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário