"Faleceu em Curitiba, aos 69 anos, o delegado Aprígio Paulo de Andrade Cardoso. 

O corpo foi velado no Parque Iguaçu, e sepultado nesta quarta-feira 17/06. 

Filho de Juvenal Loureiro Cardoso e Noêmia de Andrade Loureiro e casado com Celene Pasternak Cardoso, Aprígio faleceu no Hospital Ecoville de parada cardiorrespiratória. 

Ele estava realizando tratamento contra um câncer no fígado, na segunda-feira sofreu um desmaio, foi internado, teve alta e voltou ao hospital após sentir fortes dores. Aprígio foi delegado em Maringá nos anos 90".

*extraído do site Maringa news (Fernando Rigon).
Indicado pela amiga Mary Salete Dalmolin Ayres. 
O pato-barqnuense Aprígio Cardoso residiu em Maringá onde atuou profissionalmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário