Segunda feira de manhã você desperta com uma antiga letra de música: 

"Ontem de manhã quando acordei olhei a vida e me espantei: eu tenho mais de 20 anos; eu tenho mais de mil perguntas sem respostas.

Hoje que vemos tantos jovens naufragando nessa onda de consumo, desfrutamento, sensações e instintos (há é claro, muitas e boas excessões que nos superam);

Mas, vem a lembrança da Pato Branco dos anos 70.
                                
 Em nossa juventude inóspita, tudo era necessidade, busca, descoberta, aprendizado, ideias e mudança para um mundo melhor.

Sueli Costa, (1937, 78 anos) compositora e cantora daquela época (considerada maldita, por não ser popular, mas questionadora e sem transito na mídia), fez com Vitor Martins a música citada acima.

20 anos blues 
(blues, como triste). um trecho:

Ontem de manhã quando acordei
Olhei a vida e me espantei
Eu tenho mais de vinte anos
E eu tenho mais de mil
Perguntas sem respostas
Estou ligada num futuro blue

Os meus pais nas minhas costas
As raízes na marquise
Eu tenho mais de vinte muros
O sangue jorra pelos furos
Pelas veias de um jornal
Eu não te quero, eu te quero mal

Nenhum comentário:

Postar um comentário