A Polícia Federal prendeu preventivamente, na manhã desta quarta-feira (25), o líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (PT/MT), no âmbito da Operação Lava-Jato. Segundo informações de membros da PGR (Procuradoria-Geral da República), Delcídio estaria tentando atrapalhar investigações da Lava-Jato. 

Outra ligação de Delcídio no escândalo da Lava-Jato seria o pagamento de R$ 1 milhão a R$ 1,5 milhão a título de propina por influenciar em obras da Petrobras.
*www.fatoonline.com.br

*Lá por 2007 vi num domingo, o político Delcídio Amaral (Mato Grosso), em banca de jornal do Shopping Beiramar em Florianópolis.

                          Ele relatava para algumas pessoas ali, embates políticos em Brasília, envolvendo o governo Lula e opositores.
      
                            Ao sair disse Delcídio: - "A gente vai vencer. Deus está com a gente"
  
                                                       grupo@rudibodanese.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário