"Berlim é a Nova York da atualidade, onde a vanguarda se impõe em cada esquina. Ali, a ideia de troca está disseminada, em todos os sentidos. 
O lixo de um pode servir para o outro. 

Aposto nessa filosofia e quero contribuir para acabar com a visão do esbanjamento, Ter, definitivamente, não é a palavra do momento. Compartilhar e trocar, sim.
              Espero trazer esse pensamento para cá".

                        Bia Lessa (cenógrafa, multimídia, pensadora, produtora, diretora de teatro, museóloga...
                                                                      *Revista Florense n 46

Nenhum comentário:

Postar um comentário