O "Rei" disse que não poderia acender a pira porque tem contrato com a empresa alemã ADIDAS e que teria que viajar.

 No entanto, Pelé enfatizou que não sabe se poderia haver uma exceção com relação ao vínculo.

"Gostaria da oportunidade de acender a pira, vamos ver se será possível", disse ele, em evento nesta terça-feira.

*Agora, vamos voltar às velhas filosofias de bar da nossa antiga Pato Branco, quando seu Arlindo Cantu sairia nessa hora com sua máxima: - "Olha que é uma barbaridade!"

                    Isso em relação ao Pelé ter o uso de sua marca condicionada a uma multi nacional. Não ganhou dinheiro que chega já em sua vida...

                                                                    Crédito foto e informação: ISPN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário