Uma biografia que faz entender boa parte da história brasileira recente.

"O menino que nasceu morto, flertou com o suicídio, sofreu em manicômios, mergulhou nas drogas, experimentou diversas formas de sexo, encontrou-se com o Diabo, foi preso pela ditadura, ajudou revolucionar o rock brasileiro redescobriu a fé e se transformou em um dos escritores mais lidos no mundo. Paulo Coelho de Souza nasceu em uma chuvosa madrugada de 24 de agosto de..."

Fernando Morais; com Lira Neto e Ruy Castro são três grandes biógrafos brasileiros.

Nas 640 páginas deste resgate, após a fase introdutória leva o leitor a uma imersão no livro.

*Paulo apresentou as drogas para Raul Seixas em 1973. O gênio Raul mergulhou tão fundo, que viveu só mais 16 anos de vida e carreira meteórica...

(Rudi).

Nenhum comentário:

Postar um comentário