Paulinho da Viola faz única apresentação em novembro no Guairão

Show será no dia 18 de novembro, às 21 horas, e é baseado em apresentações que o cantor e compositor fez com a Orquestra Filarmônica de Roterdã, na Holanda

No ano em que se comemora 100 anos do samba, o cantor e compositor Paulinho da Viola continua homenageando o gênero musical que define a carreira dele há 50 anos. 

Após alguns anos longe de Curitiba, o cantor e compositor volta à cidade para única apresentação O show é baseado em duas apresentações feitas com a Orquestra Filarmônica de Roterdã (Holanda), em junho deste ano, com casa lotada. 

O convite surgiu por parte da Filarmônica que nunca tinha homenageado um compositor popular, muito menos do Brasil. O repertório foi definido também pela Filarmônica e acabou sendo inspiração para este show que Paulinho da Viola fará em novembro em Curitiba.

Após Roterdã, o espetáculo estreou no Brasil no mesmo mês, com três apresentações em São Paulo e duas em Belo Horizonte, sempre com lotação esgotada e calorosa acolhida de público e crítica. 
Devido ao sucesso, o espetáculo voltou a São Paulo no início de outubro, seguiu para João Pessoa, ponto de partida da turnê nordestina e, em seguida, para Curitiba.

No repertório, sucessos como “Foi um rio que passou em minha vida”, “Coração Leviano” e “Dança da Solidão”, além de sambas de compositores que marcaram a trajetória profissional de Paulinho como Candeia, Zé Keti e Lupicínio Rodrigues, num repertório cuidadosamente escolhido para as apresentações na Holanda.
Paulinho se apresentará com a banda composta por João Rabello (violão), Beatriz Rabello (voz), Adriano Souza (piano), Dininho Silva (baixo), Ricardo Costa (bateria), Celsinho Silva (percussão), Hércules Nunes (percussão) e Mário Séve (sopros).

Serviço
Paulinho da Viola em Curitiba
Dia 18 de novembro às 21h
Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão)
Ingressos: R$180,00 (plateia); R$160,00 (1º balcão); R$140,00 (2º balcão). Desconto de 50% para os portadores do cartão Diskingressos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário