Zigmunt Bauman, sociólogo polonês (1925 / 2017) ganhou notoriedade por questionar a forma de viver, distribuir e se relacionar da sociedade contemporânea.

Sobre consumismo:

"A gente passou viver numa sociedade que é a economia do excesso, do desperdício. Uma frustração repetida de desejos.
A gente consome e não consegue nunca saciar o nosso desejo de consumir porque na verdade estamos consumindo uma miragem; não estamos efetivamente consumindo as coisas que atendem nossas necessidades reais.

 A gente consome as aparências e essas expectativas que nunca se cumprem vão encurtando o trajeto entre a loja e a lata de lixo.

 E reforça essa cultura geral voltada para o curto prazo".

*OUÇA link com mais... (clique no play, duração 7 minutos)

http://cbn.globoradio.globo.com/comentaristas/sergio-abranches/2017/01/10/ZYGMUNT-BAUMAN-FOI-UM-DOS-PENSADORES-QUE-MAIS-ENTENDEU-O-NOSSO-MUNDO.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário