Mesmo para quem já está na fase de ouvir no lugar de ver televisão, deu pra sentir ontem o ritmo de glória e louvor que o Jornal Nacional alardeava (dias atrás) a descoberta (pela NASA) de um novo sistema de planetas há 40 mil anos luz da terra;

Ora, a Rede Globo (às vezes porta voz dos estados Unidos) parece pouco contribuir com nossa sociedade, despertando tanta idolatria e supervalorização daquela nação, neste nosso país tão esvaziado de valores e potencialidades.

De que serve para o cidadão comum ocupar-se duma notícia dessas que mais interessa para estudiosos?

Não seria melhor se nos atentássemos - por exemplo -  com os problemas sociais e ambientais que só aumentam por aqui ?

Por exemplo: dados das Nações Unidas (ONU) estimam (no mundo) em 370 milhões o número de indígenas vivendo em comunidades, localizadas em centros urbanos, reservas ou no meio do caminho entre ambos. (Dados do ano de 2010).

Esses povos sofrem os mesmos problemas de outras comunidades carentes de direitos, como pobreza, falta de educação básica, elevado desemprego, altas taxas de criminalidade...

De que serve tanta ciência para um desempregado ? ou, para um empregado cujo sistema social lhe nega qualidade de vida...?

Nenhum comentário:

Postar um comentário