Tendo amigos com verdadeira paixão pelo esporte da Fórmula 1, desde a década de 1970, muito antes da influência desta poderosa mídia que alimenta a indústria cultural formadora de consumidores,  respeito-os,  mas não tenho a menor atração por Fórmula 1.

Vejo como uma multidão de espectadores alimentando minorias que ganham muito dinheiro.

Como um ativista do meio ambiente, imagino quanta poluição esta modalidade esportiva produz.

Para o argumento de que nas pistas são testadas inovações que virão trazer benefícios para os automóveis nas ruas, penso que todas as montadoras tem seus laboratórios de testes e inovações.

                                       Enfim, Respeita-se as livres opções culturais de cada um.

(Rudi Bodanese) - grupo@rudibodanese.com.br - *foto Getty Images

Nenhum comentário:

Postar um comentário