Breno Bortot, filho e neto de pato-branquenses, natural de Brasília, onde graduou-se em Bacharelado em Violão Clássico pela Universidade de Brasília (2013).

Morou por dois anos na Itália, onde foi laureado em canto lírico (setembro 2017) pelo prestigioso Conservatório de Música de Santa Cecília de Roma.

Em 21 de dezembro, Breno, acompanhado pelo pianista Ben Hur Cionek, realizou no Teatro Naura Rigon (Municipal de Pato Branco), um emocionante concerto onde misturou o clássico com o popular.





Por esse marcante espetáculo, por ser uma projeção de que foi plantado em Pato Branco no passado, por representar o universo pato-branquense mundo afora, o Troféu Patonauta "Pato Altivo" 

- Os melhores da cena artística e cultural de Pato Branco 2017;
Vai para Breno Bortot

Nenhum comentário:

Postar um comentário