As duas coisas

A experiência do cotidiano nos ensinou: 

1) rede de integração global é inevitável. 

2) países ricos estimularam globalização para obterem vantagens que foram se alterando.

3) Integração econômica foi positiva e ampliou riqueza dos países emergentes (Brasil incluído).

4) Protecionismo(Trump EUA por exemplo)  está perdendo a batalha para a integração e livre comércio.

5) Em 1990, 1,9 bilhões de pessoas vivam na extrema pobreza. Em 2015, são 700 milhões (revista Exame 1154, Editora Abril).

6) A globalização não tratou apenas de vender mais, mas também de fazer melhor.

7) O comércio exterior em outros países também provocou aumento de investimentos estrangeiros (no Brasil também). 

8) Maior integração das economias também trouxe aumento reais de salários a empregados qualificados.

*Continua nesta quarta 28/02. 

                                                            grupo@rudibodanese.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário