Biltis, a rainha de Sabá levanta um enigma:

"O céu todo escureceu, por toda parte aglomeram-se ameaçadoras nuvens de temporal.
O aspecto torna-se cada vez mais sinistro... A escuridão do céu ameaçador parece envolver a Terra... nada mais se vê, a não ser um tênue traço claro no horizonte..."

Ela cala por alguns instantes e pergunta se alguém poderia esclarecer o significado do quadro descrito.

Zadok, o rico comerciante de azeite, manifesta-se, dizendo conhecer o significado.
"Eu imaginei a vida como um céu escuro e ameaçador. Apenas o traço claro... o traço claro do horizonte impede que a criatura afunde no medo e no horror... Por isso quero denominar o quadro que descreve para nós de "A esperança".

Biltis festeja a resposta e diz haver um sábio escondido no comerciante.

*Trecho do livro Sabá, o País das Mil Fragrâncias, de Roselis von Sass.

Nenhum comentário:

Postar um comentário