Pelo respeito à dignidade do povo palestino:

'Reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel coloca em xeque a ordem mundial'

Para a doutora em Ciência Política pela USP, Cristina Soreano Pecequilo, Trump mostrou que não está interessado em negociações, mas em agradar um grupo de interesse específico. 

Já a doutora em História, Política e Bens Culturais, Monique Sochaczewski Goldfeld, acredita que o presidente dos EUA quer desviar a atenção das questões internas e de suas relações com a Rússia e se diferenciar dos seus antecessores.
                                                                                                  *Rádio CBN/SP.
 **Título acima: João de Almeida Neto, compositor RS.


Nenhum comentário:

Postar um comentário