Em 1964 (foto) a família de Ary e Doracy Suttili Bodanese chegou de residência em Pato Branco.

Eu, com 10 anos vindo de um povoado bem menor (São Lourenço D' Oeste) logo fui elegendo meus ídolos ali.


História muito semelhante a de Oswaldo Montenegro:

"Quando eu tinha oito anos, morando em São João Del Rei, Minas Gerais, meus pais me deixavam acompanhá-los quando saíam com os boêmios da cidade, fazendo serenatas pelas ruas.

 Aquilo me impactou, me inundou. Enquanto na madrugada vivenciava isso, durante o dia, a música barroca brasileira de Minas Gerais inundava minha cabeça". Eu pensava: 

"Se o mundo não é assim, é assim que deve ser".

"Cheguei à conclusão de que o que componho é, acima de tudo, resultado dessa época da minha vida. 

Aí resolvi fazer esse show, em que converso com o público e canto minhas composições que mais têm a ver com o barroco mineiro e com essa sensação de ligar a música ao afeto". 

(Rudi)  *Declarações de Oswaldo (02/08/2018) na Rádio CBN/SP sobre seu show Serenata.

Nenhum comentário:

Postar um comentário