Roberto Righi, grande profissional das ciências contábeis, filho de Hugo e neto do pioneiro Angelo Righi;  O Vô Angelo  juntamente com a banda da cidade, alegrava com canções e sinfonias,  la belle Pato Branco da década de 60.

Roberto recebeu do amigão Tile e do Giles Balbinotti a obra  PATO ... CONFESSO QUE  VIVEMOS!

Paz e bem !

Na foto ao centro Roberto Righi,  entre  pai e filho Gentil e Giles Balbinotti.



por Giles Balbinotti

Nenhum comentário:

Postar um comentário